You are currently viewing TECNOLOGIA: AS PRINCIPAIS TENDÊNCIAS PARA 2021

TECNOLOGIA: AS PRINCIPAIS TENDÊNCIAS PARA 2021

Independente se você usa ou usará a tecnologia em seu negócio, definitivamente o ser humano é tecnológico e recebe as influências dos avanços nessa área. Se fossemos escrever tudo o que deveríamos nesse artigo, ele seria um livro. Então resumimos as tendências indicando os aparatos e tendências mais inovadoras, e adicionamos um “q”  de visão empreendedora, afinal, os meios podem ser tecnológicos, mas quem dá a direção são os humanos.

A tecnologia existe para servir pessoas e empresas. Veja.

A Inteligência artificial avança para novas searas: startups no mundo todo (Osari, Kindred e Vicarious como exemplos) estão usando a inteligência artificial como meio para suas inovações. Por exemplo, para processos de fabricação. Isso indica que novas rupturas estão chegando. A indústria 4.0 não apareceu por acaso. Tudo é tecnologia e cooperação.

Redes de Dados 5G: é o padrão de tecnologia de quinta que vai permitir maior velocidade na experiência do cliente. Essa tecnologia promete  inovar ainda mais os processos, ajudando as empresas a implementarem arquiteturas de dados escaláveis e em tempo real, tomando decisões inteligentes e dinâmicas através de múltiplos fluxos de dados. Ela está impulsionando a adoção de outras tecnologias, desde a computação de ponta até a realidade virtual. É preciso estrutura que comporte. As pessoas esperam que, com o 5G, os aplicativos Iot (internet das coisas) e os dispositivos conectados atinjam alta velocidade. Mais tecnologias e sensores de visão serão usados ​​permitindo soluções de IoT mais acessíveis. Fora da realidade brasileira, A Amazon Go inaugura um modelo de negócio onde o cliente entra na loja física, escolhe seus produtos e sai. Ao fazer isso, sua conta na Amazon já emite o processo de pagamento. Uma tendência para eliminação de filas e muito mais.

A automação está nos picos mais altos das tendências em tecnologias da informação. O conceito está diretamente ligado melhoria de processos e ganhos de produtividade. A chamada Indústria 4.0, englobando Sistemas ciber-físicos, Inteligência Artificial,  internet das coisas e Computação em Nuvem para criar “fábricas inteligentes” se beneficia disso. Mas a automação abrange largamente o varejo.

Com a necessidade imposta pela COVID19, as pessoas passaram a aceitar melhor as compras online e essa tendência, segundo especialistas, vai perdurar, corroborando com o sucesso desse meio de compras já antes da pandemia. Veja aqui, o relatório Webshoppers 41ª. Edição. As compras online somaram R$ 61,9 bilhões. Com o Pix, a intenet das coisas e a realidade aumentada (AR) que permitem ao internauta, ter uma ideia quase perfeita dos produtos que busca, entrega rápida e segura, tudo indica que esse será o novo normal.

Fonte: https://www.ecommercebrasil.com.br/noticias/e-commerce-brasileiro-autosservico-webshoppers/ Aumento significativo de compras por mobiles (+55%)

Em lojas físicas, a internet das coisas (IoT)  identifica os horários de maior fluxo de clientes. Também é possível levantar quais áreas da loja são mais frequentadas, conhecer melhor o público-alvo etc.

Para isso, uma solução é adotada para mapear os dados fornecidos pelos próprios clientes do estabelecimento. Vale destacar que a Internet das Coisas permite ainda otimizar a gestão de estoque ao monitorar o nível de produtos nas prateleiras em tempo real. Se você tem um comércio e já deixou de vender pela desorganização de seu estoque, sabe o que isso significa.

Serviços Bancários: uma pesquisa feita pela FEBRABAN analisou os dados entre janeiro e abril de 2020 e constatou que houve um aumento de aproximadamente 22% nas transações realizadas via mobile banking em comparação com períodos anteriores. Estima-se que 67% das transações bancárias de pessoas físicas passaram a ser realizadas por meio do mobile banking só em abril. O principal ponto aqui é que essa tendência de aumento das transações mobile já vinha crescendo anteriormente e apenas obteve um salto maior em virtude da pandemia. Em outras palavras, o que estamos vendo não é algo “fora da curva”, mas sim uma aceleração de um processo já existente.

Segundo a FEBRABAN, os investimentos no uso das novas tecnologias no mercado bancário brasileiro aumentaram significativamente, o que pode ser verificado a partir dos seguintes dados:

  • 72% de aumento em investimentos relacionados a Inteligência Artificial;
  • Aumento de 35% em investimentos no Blockchain;
  • 35% de aumento em investimentos no RPA para processos de Backoffice;
  • Crescimento de 20% em investimentos relacionados a IOT (Internet of Things).

O mercado naturalmente objetiva se tornar mais inteligente tanto para a economia de recursos como também para poder prestar o melhor tipo de serviço para os seus consumidores.

O blockchain é um livro contábil compartilhado e imutável para a gravação de transações, o rastreamento de ativos e a construção da confiança, principalmente para as empresas que operam com moedas virtuais  Mais informações no site da IBM.

Aumento Humano: é um campo interdisciplinar que aborda métodos, tecnologias e suas aplicações para aprimorar as habilidades sensoriais, de ação e / ou cognitivas de um ser humano. Isso é alcançado por meio de tecnologias de detecção e atuação, fusão e fissão de informações e métodos de inteligência artificial. O aumento humano pode ser dividido em três categorias: 1. Os sentidos aumentados, 2. A ação Aumentada e 3. A Cognição Aumentada.

Grandes empresas já estão seguindo essas últimas tendências tecnológicas para 2021, como a Boston Dynamics, que produziu  um grande número de dispositivos de aumento humano que são benéficos nas fábricas.

APPs moveis: foco na multiexperiência

Para encerrar o artigo, mas não a lista de inovação, que não caberia aqui, vamos citar a Multiexperiência. É uma das tendências tecnológicas de 2021. em que a velha ideia de computador avança do ponto único da interface para o multitouchpoint e interações multissensoriais, como avança sensores e wearables do computador. No futuro próximo, essa tendência se tornará mais popular, pois é a mistura das tecnologias AR e VR.

Não sabe o que fazer ou como começar para INOVAR e ganhar mais produtividade e lucros? Solicite um diagnóstico.

Deixe um comentário